MALANGATANA


Sem Título

Óleo sobre Contraplacado Ι 47x62 cm Ι 1980 Ι M
2.600 €

MALANGATANA


Malangatana (1936 - 2011) é o nome mais reconhecido da arte africana lusófona. Tornou-se numa espécie de senador do seu país. O crítico Rui Mário Gonçalves diz que a originalidade da pintura de Malangatana está na forma como ele casa a tradição da sua terra, com destaque para a figuração das lendas da etnia ronga, com o imaginário do expressionismo e do surrealismo bebidos na pintura europeia e até na obra de Picasso, de quem era "um admirador fascinado". Nesse sentido, este crítico coloca a obra do artista moçambicano na mesma linha da do cubano Wilfredo Lam (1902-1982) que também bebeu a influência do autor de Guernica.

"Malangatana é muito importante, porque faz o cruzamento da cultura indígena com a cultura do colonizador. E consegue criar uma identidade cultural moçambicana", João Pinharanda.


voltar